Sobre

Querido(a) Visitante,

Este espaço foi criado como uma extensão do Bluemaedel, meu blog 'pessoal'. Aqui pretendo deixar registro das minhas impressões de leitura a partir de 2014. Sou uma pessoa muito tímida para criar um canal ou algo do tipo no Youtube, sem falar que não tenho tanto tempo livre assim para preparar vídeos e penso não ser necessário tanta exposição para falar de livros e literatura, incentivar verdadeiramente a leitura ou trocar informações com outros leitores; prefiro, pois, a escrita e o modo mais antigo e assíncrono da comunicação via blog. Um meio-termo seria preparar áudios (podcasts), mas esse é um passo para o futuro (talvez).

Aqui você encontrará títulos cuja leitura recomendo, e comentários com algumas de minhas impressões de leitura, mas não encontrará resenhas no sentido mais técnico que essa palavra possa assumir. Sim, os sentidos das palavras mudam com a cultura, a necessidade e o tempo, e o simples termo 'resenha', a meu ver, não carrega mais, no Brasil, só os sentidos registrados nos dicionários, muito menos serve para descrever o que tento fazer neste blog, por isso não uso conscientemente o termo 'resenha' aqui.

Exatamente por ter uma formação que abrange Lingüística e Literatura, também, evito que meus comentários neste blog assumam uma forma 'técnica', voltados para características 'estruturais' de um texto, interpretando-o de acordo com vários critérios e padrões em contextos de teoria(s) literária(s). Muitas vezes, tal formato leva ao uso de uma linguagem distante da maioria dos leitores comuns, até mesmo porque se dirigem a quem já leu a obra e deseja dissecá-la. E aproximar pessoas e livros é o objetivo-mor deste espaço, portanto res-noves fora...

Na verdade, meu desejo é interferir minimamente na experiência de leitura de cada um. Ler é algo muito particular e as impressões causadas por um texto são, portanto, únicas; em releituras também. Então optei por deixar resenhas para propósitos mais sérios, sem falar no risco de que, com tantas delas por aí, possamos estar tirando do leitor o prazer da descoberta de um texto por conta própria, bem como do desenvolvimento de seus próprios critérios de avaliação, ou o que é pior: incentivando em pessoas preguiçosas o hábito de, ao invés de ler o texto original, sair à cata de resenhas na Internet, muitas delas escritas de forma leviana e nada imparcial, voltadas para o comércio de livros e só.  É triste, mas é a realidade que eu vejo.

Assim sendo, sinta-se à vontade para interagir através de comentários ou, se preferir,  use o formulário para contato  no Bluemaedel.

Grata pela companhia e boas leituras,

Helena Frenzel.